top of page

Saúde mental x Trabalho

Penso que o trabalho mais importante de um líder é criar um ambiente de trabalho seguro para que os dons extraordinários de cada pessoa possam vir à tona.


Abaixo, separei algumas dicas que o artigo da Harvard Business Review sobre saúde mental das pessoas no ambiente de trabalho trouxe para novos líderes:


“1- Reserve algum tempo para pesquisar a política de saúde mental da sua organização. Mantenha sua equipe informada sobre novos programas, fundos de desenvolvimento profissional ou quaisquer outros benefícios de saúde.


2- Não pressione ninguém para divulgar seu estado de saúde. Isso não só pode ser embaraçoso, constrangedor ou desconfortável para um funcionário, como você pode estar violando as leis trabalhistas que proíbem tais consultas.


3- Concentre-se em criar um ambiente aberto, transparente e acolhedor. Faça perguntas à sua equipe para entender como eles estão se saindo, se eles são capazes de ter um bom equilíbrio entre vida profissional e pessoal e o que eles precisam para se sentir energizados e revigorados.


4- Quando as pessoas compartilham suas histórias, ouça sem julgamento. Além disso, esclareça o que eles precisam. Você pode dizer: “Obrigado por compartilhar isso comigo. Sei que este é um momento difícil para você e quero ajudá-lo da melhor maneira possível. Como eu ou a empresa podemos apoiá-lo melhor agora?” Em seguida, aponte-os para os recursos da empresa.


5- Não tenha medo de ser vulnerável. Quando pessoas em posições de poder relativo falam sobre seu próprio desconforto, isso normaliza essas conversas para todos ao seu redor.”


DICA BÔNUS:


Acho fundamental que líderes e liderados tirem um tempo de qualidade para se conectarem com mais profundidade.


No A-Lab faço questão de sempre reforçar para todos a importância das reuniões 1:1, onde o líder consegue explorar assuntos que raramente tem chance de explorar no dia a dia e que podem ter um impacto enorme no envolvimento e no bem estar dos liderados.


Num cenário onde 1 a cada 3 brasileiros sofre de burnout, acredito que uma liderança servidora, próxima, exercitando a escuta ativa é uma boa base para a criação de um ambiente saudável e com segurança psicológica.


Comments


bottom of page